Publicidade

No domingo (23/12), enquanto as famílias preparavam-se para o natal em Biguaçu, um homem de 27 anos de idade era “preparado” para a morte.

Segundo e polícia, tudo indica que era um sequestro. Arildon Subtil Júnior teria sido sequestrado em lugar ainda não apurado e levado para a estrada geral de São Mateus, zona rural de Biguaçu.

A vítima foi levada para um matagal e ali o(s) matador(es) deram 11 tiros de calibre 9m. O corpo foi deixado às margens da estrada, para horror dos transeuntes que porventura foram os primeiros a depararem-se com o morto.

Não é a primeira vez que há execuções na zona rural de Biguaçu. Geralmente são pessoas sequestradas ou trazidas de São José, Florianópolis ou de outras cidades para serem mortas no interior de Biguaçu, onde ainda há áreas pouco povoadas, o que permite certo anonimato.

Este jornal já questionou: devido ao número expressivo de execuções na zona rural de Biguaçu, há não seria interessante ter alguns “pardais” em postes da região para registrar os números de placas dos veículos?

Sim, com esses equipamentos é possível saber quais foram os veículos que transitaram pela região e o horário. Isso ajudaria- e muito- a investigação policial.

É verdade que pardais provocam grande polêmica com relação a multas “escondidas”, mas o equipamento poderia ser usado apenas para registrar números de placas tendo em vista que bandidos usam o interior de Biguaçu para praticar maldades “às escondidas” de testemunhas.

É muito FÁCIL receber notícias gratuitamente e concorrer a uma bicicleta!

JBFoco

#jbfocowhattsapp

  1. Envie uma mensagem no whattsapp para o número (48) 9-8484-7539 com a palavra OK!

  2. Além de receber notícias GRATUITAMENTE, você concorrerá a uma bicicleta.

Prêmio a ser sorteado: Bicicleta Aro 26 Beach 18V

Sorteio: Dia 05.03.2019 ( 05 de março de 2019)

Quem já recebe as reportagens pelo whattsapp está concorrendo automaticamente.

Publicidade