Esse tal de Anel Viário, como é chamado o desvio da BR-101 de Estiva, Biguaçu, até Palhoça, já virou uma piada.

Com a nova paralisação da obra (já foram três) e agora com a Arteris Litoral Sul rescindindo contrato com a construtora Salini, a obra “periga” não ser concluída em 2021, ou seja, 20 anos depois que havia sido anunciada.

Sim, a matéria de capa do JBFoco de agosto de 2001 foi o anúncio da construção dessa rodovia. Naquela época, já se falava dessa obra. Pelo jeito, 20 anos vão se passar e a obra tem tudo para ainda não estar concluída no seu “vigésimo” aniversário. Haja incompetência!!!

Desde que essa obra foi divulgada, uma sucessão de absurdos vem ocorrendo. Lembramos do caso do ex-prefeito de Palhoça entre 2005 a 2012, Ronério Heiderscheidt, cuja administração teve a coragem (incompetência ou ignorância ou sabe-se lá o quê) de autorizar a construção de um conjunto de apartamentos num terreno por onde o Anel Viário passaria.

Resultado: esse “acidente” não só atrasou mais ainda a obra como também provocou o desvio do trecho final da rodovia, o que levou à desapropriação de uma infinidade de terrenos que antes não estavam no traçado da estrada. Em resumo: expressivo número de famílias acabou perdendo suas propriedades por consequência de uma leviandade de uma assinatura do ex-prefeito Ronério permitindo a construção de um conjunto de prédios numa área que já se sabia de antemão estar reservada ao futuro Anel Viário.

Mas por falar em “trapalhadas” de ex (tanto do passado como do futuro) prefeitos, o Anel Viário irá provocar também impactos negativos. Explicamos. Se não bastasse essa demora toda, o Anel Viário só terá três viadutos ao longo dos 13 quilômetros dessa rodovia em território biguaçuense.

Isso será uma “catástrofe” para o trânsito do interior de Biguaçu. Para atravessar a rodovia de um lado para outro, em certos trechos, os motoristas terão de fazer uma verdadeira volta de quilômetros.

E para piorar o caso, pasmem, não haverá pista lateral, o que é um verdadeiro absurdo total. Em suma, essa rodovia vai acabar transformando-se num enorme transtorno para os moradores do interior de Biguaçu na década de 2020 quando estiver pronta.

Perguntar não ofende. O que o prefeito Ramon está fazendo para evitar isso? Está pressionando para a construção de mais viadutos? Já exigiu a instalação da estrada lateral? Ou vai ficar de braços cruzados e ver a caravana passar? Vai deixar a coisa elas por elas e que a população “se exploda” no futuro?

O JBFoco está fazendo sua parte: advertir. Agora o papel da população é pressionar para que não pague o pato com juros e correção monetária.

 

Ozias Alves Jr

E-mail: ozias@jbfoco.com.br

 

 

É muito FÁCIL receber notícias gratuitamente e concorrer a uma bicicleta!

JBFoco

#jbfocowhattsapp

  1. Envie uma mensagem no whattsapp para o número (48) 9-8484-7539 com a palavra OK!

  2. Além de receber notícias GRATUITAMENTE, você concorrerá a uma bicicleta.

Prêmio a ser sorteado: Bicicleta Aro 26 Beach 18V

Sorteio: Dia 05.03.2019 ( 05 de março de 2019)

Quem já recebe as reportagens pelo whattsapp está concorrendo automaticamente.