Ontem (quarta, 13/03), Maycon P., conhecido pelos policiais de Biguaçu pelo apelido de “Diabo Loiro”, foi condenado a 21 anos de prisão. Motivo: em janeiro de 2015, Maycon envolveu-se numa brincadeira chamada “roleta russa”, aquela em que alguém coloca apenas uma bala no revólver, gira o tambor e atira na cabeça. O julgamento de 1ª instância ocorreu no auditório da Univali, no Jardim Carandaí, Biguaçu.

É uma brincadeira estúpida, mas ainda há quem faça tal asneira. E foi através dessa tal roleta russa que uma adolescente chamada Andreza Santos, de 17 anos, acabou morrendo no Rio Caveiras.

Diabo alegou que foi um acidente, isto é, a “brincadeira” saiu dos limites, mas, mesmo assim, o juiz que presidiu o julgamento com júri popular estabeleceu pena dura de 21 anos de prisão. Maycon não teve nem direito a recorrer em liberdade porque já tinha uma outra “bronca”, desta vez por tráfico de drogas e um outro processo em que é acusado de roubo.

 

RECORDAÇÕES

“Diabo Loiro”, quando era menor de idade, já teve algumas passagens por pequenos delitos. Na época, o JBFoco, sem citar o nome por motivos óbvios, chegou a publicar um artigo chamando a atenção para a necessidade de internamento daquele menor. Inclusive a mãe do mesmo solicitava internamento para ajudar o filho a livrar-se de drogas.

Em resumo: apreendido e cumprindo “medidas sócio educativas” do Estatuto da Criança e do Adolescente, logo Maycon voltava às ruas e, é claro, estava livre para voltar a fazer “besteiras”.

Interná-lo não era castigo ou prisão. Pelo contrário. Era para ajudá-lo a livrar-se das drogas e, por consequência, envolver-se em crimes pelos quais acabaria na prisão.

Dito e feito. De tanto fazer, Maycon acabou envolvendo-se em mais uma confusão, a da roleta russa, e a Justiça agora endureceu: 21 anos de prisão.

Uns alegam que “pau que nasce torto, morre torto”. É verdade, mas será que, no caso de Diabo Loiro, se tivesse tido alguma interdição para tratamento COMPULSÓRIO contra drogas, será que não se endireitaria?

Fica o registro.

 

https://chat.whatsapp.com/Lt0gdEGjQiYAvavsWLeuTf

Clique no link desse grupo e receba Gratuitamente notícias da comarca de Biguaçu. Nesse grupo não haverá interação, somente recebimento de reportagens do Jornal Biguaçu em Foco