Publicidade

O deputado estadual, Ivan Naatz, que é advogado de profissão, ingressou com um pedido de liminar no fórum de Biguaçu solicitando uma liminar para suspender a cobrança da TPA (Taxa de Proteção Ambiental), um pedágio que está sendo cobrado em Governador Celso Ramos aos turistas que lá ingressam em veículos automotores. Essa cobrança iniciou em 15 de novembro último e prosseguirá até abril de 2020.

O juiz que analisou o caso indeferiu o pedido, isto é, deu ganho de causa à prefeitura de Governador Celso Ramos. A cobrança é legal.

Mais uma vitória do prefeito local, Juliano Duarte Campos.

 

Despacho da justiça de Biguaçu. (Foto Divulgação)

 

Jornais em Foco – Terça-feira (26/11/2019)

Publicidade