Publicidade

A TV em Foco, de Carlos Wanderley Gomes da Silva, está divulgando, nas redes sociais, um vídeo gravado por populares num terreno atrás daquele “vergonhoso” ginásio de esportes no loteamento Deltaville, que não sai nunca.

Para quem não sabe, o Deltaville é aquele loteamento de alto padrão que foi instalado num grande terreno às margens do início da rodovia SC-407, a estrada que liga Biguaçu a Antônio Carlos. Essa região é agora o novo bairro que recebeu, pelo novo mapa do município, o nome de “Beira Rio”, pelo fato de ser próximo às margens do rio Biguaçu.

O vídeo que a TV em Foco mostra uma vala que corre atrás do citado ginásio de esportes não concluído e vai em direção ao rio Biguaçu.

Segundo afirmam as pessoas que fizeram o citado vídeo que o leitor poderá conferir em anexo, exala mau cheiro nauseabundo, ou seja, trata-se de esgoto.

Bom! Biguaçu não tem tratamento de esgoto. Aliás, a Casan comprou um terreno da prefeitura de Biguaçu justamente no Deltaville para a instalação da PRIMERIA estação de tratamento de esgoto do município, mas os moradores ingressaram com uma ação judicial e a construção ficou paralisada.

De onde vem o esgoto que aparece nas imagens? Talvez seja da tubulação de coleta da Casan que terminaria na estação de tratamento. Como não tem estação e o esgoto não para de ser produzido diariamente, acreditamos que aquele esgoto seja justamente os dejetos que a Casan não tem como limpá-los enquanto não for resolvido o problema jurídico que agora se encontra no TJ (Tribunal de Justiça), com sede em Florianópolis.

Mas no vídeo da TV em Foco, fala-se que é do “Deltaville”. Calma aí, do Deltaville?

Se for verdade, aí a coisa complica-se. Pois vejamos. O Deltaville é o loteamento mais bem organizado e planejado de Biguaçu. Pela nova legislação, os loteamentos precisam ter estações próprias de tratamento de esgoto. Acreditamos que o Deltaville tenha um para atender seus próprios moradores.

Dentro da eventualidade de não haver e aquela vala não é o esgoto de Biguaçu que a Casan não tem como tratar, mas sim do próprio loteamento, acreditamos que a prefeitura de Biguaçu terá de ser obrigada a prestar esclarecimentos, quando não sentar no banco dos réus. Por quê?

Ao autorizar a instalação de novos loteamentos, a prefeitura tem de exigir dos empreendedores pequenas estações de tratamento de esgoto. É o mínimo. Se não exigiu do Deltaville, a prefeitura certamente praticou ato de irresponsabilidade. Não é porque a cidade inteira não tem que o Deltaville não precisa ter tratamento. Cadê o cumprimento das novas leis?

Porém acreditamos que esse esgoto que aparece no vídeo em questão seja da Casan saído do final da tubulação que devia levar os dejetos à central de tratamento.

E agora? Como será resolvido esse problema? Mais esgoto no coitado do rio Biguaçu?

 

Ozias Alves Jr (Editor)

E-mail: reportagemjbfoco@gmail.com

 

Piscina de esgoto puro que desagua no rio Biguaçu na região do Deltaville. (Foto Reprodução TV em Foco)

 

VÍDEO

https://www.youtube.com/watch?v=52UINjwKo08&feature=youtu.be

 

Jornais em Foco – Terça-feira (19/11/2019)

 

https://chat.whatsapp.com/invite/Lt0gdEGjQiYAvavsWLeuTf

Clique no link acima e receba gratuitamente notícias do JBFOCO regional. Nesse grupo não existe interação. Somente recebimento de matérias jornalísticas de Biguaçu, Antônio Carlos, Governador Celso Ramos e região.

Publicidade