Publicidade

Na terça-feira (14/01/2020), o ex-delegado de Biguaçu, Ênio de Oliveira Matos, hoje responsável pela delegacia de homicídio, coordenou ampla operação na comunidade do Siri, situada no norte de Florianópolis.

Foram cumpridos 16 mandatos de busca e apreensão expedidos pelo fórum de Florianópolis. Ninguém foi preso, mas o objetivo é dar um basta na onda de mortes naquela comunidade. A mais recente foi a do turista gaúcho que fez a besteira de entrar naquela comunidade com o objetivo de comprar maconha e acabou morto por ter sido confundido com um traficante rival.

Delegado Ênio informa que sua equipe está investigando oito assassinados na comunidade do Siri.

Assassinatos. (Foto kerttu por Pixabay

 

Feijoada do Décio 2020. (Foto Divulgação)

Jornais em Foco – Quarta-feira (15/01/2020)

 

Publicidade