Publicidade

Walter Lemos Filho

E-mail: walterlemos1961@gmail.com

 

BOM DIA

Bruno Medeiros dos Anjos. (Foto Divulgação)

 

Meu bom dia desta segunda-feira vai para o aniversariante desta quinta-feira que passou dia 02/07 Bruno Medeiros dos Anjos. Fez três anos e comemorou somente em família. Deixo aqui meus parabéns a ele, que DEUS, conceda tudo de melhor na sua vida, aos pais, e aos avós Vilmar e Rita grandes amigos da Catedral Metropolitana de Florianópolis

VOCÊ

Que muitas vezes encontra um trabalhador, e diz a êle fique em casa. Você não sabe das suas necessidades, então diga: ” vá com DEUS!”

NA

Minha humilde opinião, fazer entrevista com Guga, e ainda dizer uma Guga que nunca se viu, é muita hipocrisia de um jornal. Falar em motivação força de vontade, para quem não falta nada, é fácil. Tem que entrvistar um pai ou mãe de família, para ver a lição que eles estão dando de sobrevivência em tempos de pandemia.

GOVERNO

Decreta calamidade pública, para agilizar recursos. Mas tem que sabe como usar para esta finalidade, não para como o caso dos respiradores.

PRECISAMOS

Urgentemente mudar a Lei. Prisão perpétua principalmente para os bandidos dos Trê Poderes.

REFORMA

Tributária está pronta para ir ao Congresso, declarou o Ministro Paulo Guedes. Agora é esperar, para ver quantos entraves centrão e esquerdopatas farão.

INFROMAL É O NOVO NORMAL

Leandro Gotz

Nos últimos tempos a visão sobre mercado de trabalho, estrutura do antigo modelo, competências necessárias e oportunidades tem mudado bastante. Para se ter uma ideia, no ano passado o Brasil bateu o recorde em número de pessoas trabalhando de maneira informal. Ao todo, foram mais de 38 milhões de profissionais atuando nesse modelo, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), isso é histórico e mostra como a informalidade está ganhando espaço.

Ainda de acordo com o IBGE, houve um aumento considerável no número de pessoas trabalhando por conta própria no país. Os autônomos, também conhecidos como freelancers, chegaram a 23 milhões no mesmo período. Não é de hoje que a maneira de se trabalhar mudou, se adaptou e o mercado precisou se reinventar, é nesse ponto que surge a economia colaborativa.

Diferentemente de como esse modelo informal era visto antigamente, de repente como uma última opção diante de tempos difíceis ou para fugir do desemprego, por exemplo, hoje, ser freelancer e desenvolver um trabalho pontual se tornou a primeira escolha para muitos.

O conceito dessa economia colaborativa é muito atual, inovador e traz um respiro para o consumo exagerado, à extravagância excessiva e na contramão disso propõe o compartilhamento. A tendência é que cada empresa ou pessoa que abraçar a ideia da troca de serviços ou objetos terá mais sucesso. A Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e o Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) fizeram, no último ano, um estudo no qual entrevistaram quase mil brasileiros por todo o País. O levantamento identificou que 75% dos entrevistados já utilizaram os serviços que envolvem troca ou compartilhamento de bens, pelo menos uma vez na vida. Isso mostra que para o consumidor essa opção está ganhando mais força.

Estamos diante da mudança, em que a segurança sozinha já não é o único ponto importante na hora de olhar para o mercado de trabalho e escolher um emprego. A experiência por si agrega, o valor de ser independente também é muito considerado e, para muitos, insubstituível, entre diversos outros pontos que têm feito o modelo informal se tornar o novo normal.

A possibilidade de aumentar a renda, de atuar em projetos diferentes simultaneamente, usufruir de horários bem mais flexíveis e trabalhar de casa, são alguns dos motivos pelos quais muitos consideram a alternativa a possibilidade mais viável diante de seus desejos profissionais. As vantagens são infinitas, já que o modelo tem condições de mudar toda uma cultura de consumo de serviços, de transformar os hábitos da sociedade e criar essa troca enriquecedora. O consumidor precisa ser conquistado, ter sua dor entendida e sanada, e ultrapassar a barreira da confiabilidade é um grande desafio da economia colaborativa, mas assim que rompida, os frutos e benefícios são sem precedentes.

DICA

Hoje é dia do Santo mTerço dos Homens na Catedral Metropolitana de Florianópolis. Começa as 17h20. Estão todos convidados:Homens, mulheres e jovens. Logo após as 18h15, tem a Santa Missa.

FRASE

” Pois bem, para que saibais que o FILHO DO HOMEM, tem na terra poder de perdoar os pecadosd  – disse então ao paralítico: Levanta-te, pega o teu leito e vai para casa.” JESUS CRISTO

LEITURA

A OUTRA FACE – Sidney Sheldon. é o romance de estreia de Sidney Sheldon na literatura, e foi publicada em 1970. A obra foi considerada pelo The New York Times como o melhor livro de suspense do ano.

ABRAÇOS

Coluna Opinião Formada – Walter Lemos Filho – E-mail: walterlemos1961@gmail.com

 

https://chat.whatsapp.com/D7vhA0aRnv1AwiF51xznxl

Clique no link acima e receba gratuitamente notícias do JBFOCO regional. Nesse grupo não existe interação. Somente recebimento de matérias jornalísticas de Biguaçu, Antônio Carlos, Governador Celso Ramos e região.

Publicidade