Marconi Kirch, candidato a prefeito de Biguaçu pelo DEM, respondeu: “Ao lado da Saúde, a Educação sempre é uma prioridade para um prefeito. Para nós, não será diferente. Ainda mais que nós acrescentamos a geração de Emprego e Renda dentro das nossas três bandeiras principais.

Considerando que o mercado de trabalho é extremamente competitivo. Nós precisamos oferecer as ferramentas necessárias aos nossos estudantes, e isso passa pela tecnologia. Por outro lado, a escola precisa ser atrativa. Imagina o aluno que está o dia inteiro no celular chegar na classe e ter apenas a matéria escrita no quadro de giz? Não dá. Educação é a base de tudo, e precisa ser completa. É assim que vamos transformar Biguaçu.

A qualidade da Educação oferecida ao povo de Biguaçu depende da capacitação dos nossos professores. Vamos criar um programa permanente de capacitação para todo o corpo docente nas creches e escolas. Essa atenção aos profissionais da Educação é uma atenção às pessoas. Isso gera emprego, renda, e vai fazer a diferença para nós.

Outra questão é que um prefeito não pode esperar sentado e dizer: isso não é responsabilidade minha. Na Educação, por exemplo, vamos buscar no Estado mais vagas de ensino médio, assim como a implantação de uma escola técnica para cursos profissionalizantes. O prefeito é o maestro da orquestra, é o técnico do time, é o motivador que faz a engrenagem rodar. Esse será o nosso trabalho, com foco nas pessoas.

Aproveitando a oportunidade, para os pais e mães de Biguaçu poderem trabalhar com tranquilidade, nós precisamos garantir que os filhos estejam bem e seguros nas nossas creches e escolas. Vamos garantir vagas para todos, em todos os níveis: educação infantil, ensino fundamental e médio. Também está no nosso horizonte abrir as creches em tempo integral e durante o ano todo. Podemos, ainda, firmar convênios com escolas particulares. O que não pode é faltar vaga. Isso é pensar na nossa gente.

Também neste sentido, a merenda escolar é a principal refeição para muitas crianças de Biguaçu. É triste, mas é verdade. Hoje é o dia de lembrarmos o quanto é importante uma comida de qualidade para nossos estudantes. Isso faz muita diferença. Vamos estimular a agricultura, a pesca e a maricultura de Biguaçu, ampliando o uso de produtos de produção local na merenda. Isso é bom para a economia, gerando mais emprego e renda, e melhor ainda para os alunos. Isso é pensar nas pessoas e esse é o nosso foco.

A escola precisa ser para todos. As pessoas com necessidades especiais precisam ser acolhidas dentro da sua individualidade. Por isso, vamos reestruturar e adequar os espaços físicos, além de ampliar o número de vagas para quem precisa.

Enfim, uma iniciativa exitosa foi implementada pelo governo estadual no processo de eleição para a direção de creches e escolas. Vamos seguir esses moldes, promover a democracia no ambiente escolar, afastando as indicações e os apadrinhamentos. Isso é pensar nas pessoas e essa é a nossa prioridade.”

Perguntas aos candidatos a prefeito de Biguaçu na semana de 02/11/2020 a 06/11/2020 

        As perguntas da semana são:

A primeira pergunta, cuja resposta tem que ser enviada até as 21h de segunda-feira (02/11/2020) é: “Eleito prefeito de Biguaçu, o que o senhor pretende fazer com relação ao prédio abandonado da prédio da Câmara de Vereadores?

O segundo tema, cuja resposta tem que ser enviada até as 21h de quarta-feira (04/11/2020) é: “Como será a biblioteca pública de Biguaçu em seu governo?”

O terceiro tema, cuja resposta tem que ser enviada até as 21h de sexta-feira (06/11/2020) é: terceiro tema, cuja resposta tem que ser enviada até as 21h de sexta-feira (06/11/2020) é: “Em sua administração, será possível baixar impostos em nome do incentivo à economia e geração de empregos?”

 

Perguntas aos candidatos a prefeito de Biguaçu na semana de 02/11/2020 a 06/11/2020 

 

https://chat.whatsapp.com/D7vhA0aRnv1AwiF51xznxl

Clique no link acima e receba gratuitamente notícias do JBFOCO regional. Nesse grupo não existe interação. Somente recebimento de matérias jornalísticas de Biguaçu, Antônio Carlos, Governador Celso Ramos e região.