Esta mensagem está circulando pelas redes de whattsapp da região de Biguaçu. Mostra o rosto de um homem que supostamente teria “estuprado” e “matado a tesouradas” a menina de 4 anos da postagem em questão na região de Fazendinha, interior de Biguaçu. Por outro lado, a postagem afirma que o dito homem “pode estar em Governador Celso Ramos.”

A reportagem do JBFoco contatou as delegacias de Governador Celso Ramos, Biguaçu e a Central de Polícia de São José, onde os casos de homicídio no município de Biguaçu são encaminhados. Não há qualquer registro nem alerta de caça e captura de “pai que estuprou e matou a tesouradas sua filha.”

Portanto, a notícia é completamente falsa.

Segundo o policial da Central que nos atendeu, quem enviou essa notícia é um grande irresponsável, pois alguém pode reconhecer o dito “pai” nas ruas e, no calor da indignação e ódio, pode querer fazer justiças com as próprias mãos contra o homem que, se ninguém provar o contrário, é um completo inocente.

Espalhar notícias falsas é crime e agravante maior ainda é divulgar a foto de uma pessoa atribuído a ela um crime gravíssimo com o nítido objetivo de provocar a ira popular.

Quem conhecer que divulgou essa notícia falsa pelas redes sociais que faça uma denúncia imediatamente à delegacia de Biguaçu (fone (48) 3665-6494) ou à Central de Polícia de São José pelo fone 3665-6471.