Publicidade

Recebemos a seguinte mensagem: “O Residencial Saudade está jogado às traças. Não queria ser identificada. Moro aqui, mas tenho vergonha dessa bagunça. O síndico nada faz.  Tem muitos carros batidos no pátio, ferro velho de moto, bicicletas etc. O parquinho está todo cheio de mato. Tudo quebrado.

O citado residencial fica no bairro Saudade, na divisa entre o final do perímetro urbano de Biguaçu e o início da zona rural do município.

A leitora enviou as fotos que estão ilustrando esta breve matéria. As fotos dizem por si. A questão: que providencias serão tomadas? A priori, é do próprio condomínio a responsabilidade em pôr ordem no recinto, mas talvez precisa de uma interferência da prefeitura de Biguaçu. Por isso, o “pedido de socorro” da moradora que não sabe mais a quem apelar.

 

Publicidade