Publicidade

Na madrugada do último domingo (15/04), a policiais do 24º Batalhão PM pegaram mais um cara com arma ilegal na Rússia, interior de Biguaçu.

“Segundo informações do Pelotão de Patrulhamento Tático (PPT), eles foram chamados através da Central Regional de Emergência (CRE) para verificar uma briga generalizada na Estrada Geral Santa Cruz, onde um homem estaria armado e efetuando disparos em via pública”, conta a assessoria de imprensa da PM.

“Chegando ao local, a guarnição abordou o suspeito e localizou o revólver calibre 38, contendo quatro munições e com numeração suprimida. As outras pessoas envolvidas na briga não foram localizadas”, conta.

Final da história: o cara foi levado à Delegacia Regional de Polícia (DRP) de São José para ser fichado. O nome não foi divulgado.

 

DETALHE HISTÓRICO

Caros leitores. Vejam só o detalhe. Você leu a matéria, não é? A confusão ocorreu na “Estrada Geral Santa Cruz”, ou melhor, na região de Rússia, interior de Biguaçu.

O leitor poderá estar perguntando-se: por que a região chama-se “Rússia”? Tem uma razão de ser.

Era década de 1940. Em 1941, a Alemanha invadiu a então União Soviética, hoje Rússia. Estourou uma enorme guerra.

No interior de Biguaçu, moradores de uma região hoje conhecida como “Alemanha” frequentava bailes em Santa Cruz (nome este devido a uma cruz que havia na região colocada no final do século XIX).

Era impressionante. Bastava começar o baile para logo estourar a briga. Era costume dizer que parecia a guerra da “Rússia”, em alusão à invasão alemã da União Soviética em 1941 e que prolongou até 1945, final da 2ª Guerra Mundial.

De tanta briga que houve, a região passou a ser conhecida como a “Rússia”.

E o interessante que estamos em 2018 e a região faz sentido com a origem do nome, pois continuam as brigas e agora, conforme lemos na notícia em questão, um cidadão envolveu-se numa briga na madrugada do último domingo (15/04) e puxou a arma. Não matou alguém por pouco.

AVISO        

Receba gratuitamente notícias da comarca de Biguaçu em seu whatsapp. Clique no link abaixo, adicione nosso número (4898484-7539) e dê um OK.

bit.ly/WhatsJBFoco

Publicidade