Amanhã (quinta, 05/04), às 13h30, o governador licenciado de Santa Catarina, Raimundo Colombo, irá entregar sua carta de renúncia do cargo ao deputado Aldo Schneider, presidente da Assembleia Legislativa do Estado (Alesc).

Após a entrega da carta, Colombo concederá uma entrevista coletiva aos jornalistas na sala de imprensa da própria Alesc.

Como Colombo encontra-se em seu segundo mandato de governador e pretende candidatar-se a senador na eleição de outubro deste ano, a legislação eleitoral exige que haja renúncia e é isso o que ocorrerá.

No sábado (07/04), está programado um grande ato em Lages com o objetivo de celebrar sete anos e pouco dos dois mandatos de Raimundo Colombo como governador. O evento será na Pousada Rural do Sesc, a partir das 10h. O presidente nacional do PSD, Gilberto Kassab, deverá participar do evento.

 

AVISO

Receba gratuitamente notícias da comarca de Biguaçu em seu whatsapp. Clique no link abaixo, adicione nosso número (4898484-7539) e dê um OK.

bit.ly/WhatsJBFoco

 

Colombo observa que a decisão mais acertada que tomou durante seu governo foi não aumentar impostos. “Essa decisão evitou que a população fosse penalizada ainda mais com a crise econômica e preservou a competitividade das empresas catarinenses, garantindo a manutenção dos postos de trabalho”, observou.

Isso refletiu no seguinte detalhe: Santa Catarina foi o estado onde foram gerados mais empregos durante o ano de 2017, passando até mesmo São Paulo, apesar de maior e com mais população.

Outro detalhe também: em 2017, Santa Catarina cresceu 4,3% enquanto que a média no Brasil foi de 1%.