Publicidade

O vereador progressista Douglas Borba não esconde de ninguém suas pretensões eleitorais para 2020. Borba quer se candidatar a prefeito de Biguaçu e chegou a arriscar um ninho para colocar em prática seu projeto. Colocou o secretário Matheus Hofmann, seu indicado na prefeitura, como presidente do PSDB da cidade e iniciou um processo de fortalecimento dos tucanos no município.

O objetivo era ter uma terceira via para sua candidatura. Douglas dentro do PP de Castelo não teria espaço na majoritária como cabeça de chapa. Vilson Alves (PP), atual vice-prefeito é o nome natural da sigla como candidato a prefeito no próximo pleito municipal.

E para ser candidato de Ramon, atual prefeito da cidade pelo PSD, Borba teria que conquistar espaço junto ao partido do prefeito e isso traria descontentamentos pois existem membros do PSD que também almejam ser candidato a prefeito pela sigla.

 

Matheus Hoffmann: colocado para presidir o PSDB de Biguaçu. (Foto Arquivo JBFoco)

 

Vilson Alves: nome mais cogitado para ser o candidato a prefeito pelo PP em 2020. (Foto Arquivo JBFoco)

ONDA BOLSONARO

Aí como uma luva surge a ONDA BOLSONARO (PSL) que fez do presidenciável o mais votado do país no primeiro turno e coloca o seu correligionário comandante Moiséis, quebrando a polarização entre MDB e PSD/PP/DEM, na disputa ao governo no segundo turno com fortes chances de se eleger.

Douglas aparece não como “papagaio de pirata” mas sim abraçando o candidato do PSL na ocasião da comemoração no dia da apuração dos votos quando acontece o fato histórico da ida de Moisés para disputar o governo contra o deputado Merísio (PSD), que representa a velha política, no segundo turno dessas eleições.

Nessa foto ficou claro o planejamento de Douglas Borba que é construir uma terceira via com reais chances de vitória na próximo pleito em Biguaçu.

Borba quer quebrar essa polarização entre o PP/PSD e MDB na cidade. Por isso o objetivo é, se Moiséis ter êxito no próximo dia 28, fortalecer o PSL no município, filiar o maior número de simpatizantes e principalmente virtuais candidatos a vereador e organizar com planejamento a sigla em toda região municipal.

A ideia do PSDB morre prematuro e Borba vai tentar criar uma “onda Douglas” na cidade para 2020.

 

CARINHO

 

Gustavo: dono do Dudunafesta está fazendo o trabalho de marketing para a candidatura Moisés. (Foto Reprodução)

 

Douglas junto com Moiséis na comemoração da ida do comandante para o segundo turno das eleições.(Foto Reprodução)

 

Nessas eleições o candidato a governador pelo PSL já enviou alguns vídeos agradecendo a votação em Biguaçu e antes das eleições de 7 de outubro pediu votos específicos para o eleitorado local. Inclusive chegou a participar de uma carreata na cidade. Moisés é de Florianópolis e tem um carinho muito grande com o município. Até mesmo a empresa que cuida de sua rede social e suas filmagens de campanha é de Biguaçu assinada por Dudunafesta, colunista do JBFoco.

E pra quem não sabe, Gustavo, proprietário da empresa é parente de Douglas Borba. Tudo em casa!

 

O OUTRO LADO

A coluna não entrou em contato com o vereador Douglas Borba para saber sobre o seu planejamento político. Não fez isso porque sempre, Biguaçu tem dessas coisas, os políticos dizem que não podem dizer isso ou aquilo, pede que não escreva e por aí vai. O que já foi confirmado por Borba é que ele não será candidato a vice de Vilson. Douglas já deixou muito claro para esse colunista que não está fazendo toda essa onda para depois ser emplacado numa chapa majoritária com o atual vice-prefeito. “Só se ele quiser ser meu vice”, afirma o vereador.

 

ORGANIZADO

A última campanha a vereador de Douglas Borba foi um exemplo de organização e planejamento. Tanto é que quase conseguiu emplacar a liderança perdendo apenas para o vereador Bilico que foi o mais votado com uma pequena diferença na frente de Borba. Mas logo depois das eleições municipais de 2016 Bilico (PP) foi preso pela polícia por corrupção em furar filas do SUS em pró dos seus eleitores provando que seus votos vÊm de algo ilícito, diferente dos votos de Douglas, que vieram por causa de seu trabalho legislativo.

O vereador Nei Cunha comparou a campanha de Borba como uma campanha que não perde para nenhuma campanha para deputado. Para almejar ser prefeito da cidade Borba já está trabalhando. A onda Bolsonaro só foi um atalho para suas pretensões. Douglas já tem em mãos pesquisas qualitativas e políticas e pretende monitorar a cidade com informações confiáveis. Sabe que seu objetivo não é difícil de se realizar. Já foi detectado que o povo não quer mais a velha política administrando Biguaçu e figuras como o próprio vice-prefeito, ex-prefeitos e vereadores como a Salete Cardoso por exemplo representam esse estigma e disputar contra eles não é mais uma tarefa difícil, principalmente quando se está numa ONDA que veio arrastar a corrupção e as velhas táticas políticas no país.

 

EXEMPLO

Ramon: papagaio de pirata. (Foto Reprodução) 

Karoline Wollinger, irmã de Ramon. O prefeito só renuncia se ela for mantida no primeiro escalão para não perder o salário. (Foto Reprodução)

 

Na semana passada o JBFoco publicou uma reportagem que mostra táticas da velha política. O prefeito Ramon, diferente de Douglas, aparece literalmente como um papagaio de pirata na ocasião da comemoração da vitória do seu candidato a governador pelo PSD, Gelson Merísio.

Ramon está atrás do candidato com aquele sorrisinho de oportunista. Como foi escrito, Ramon e seu grupo político articula algo repudiante: numa eventual vitória de Merísio, Ramon assume no ano que vêm um cargo de alto escalão no governo estadual com salário pompudo (se não ele não vai é claro) e renuncia a prefeitura de Biguaçu, assim como fez o ex-prefeito Castelo no passado, para o seu atual vice assumir.

Isso seria o sonho de consumo de seu atual vice Vilson Alves (PP), que almeja a caneta para poder articular sua candidatura para 2020. Ramon, como especula-se só faria isso também se Vilson mante-se sua irmã como secretária pois a mesma não pode ficar sem salário.

Numa cidade onde só se cresce são os patrimônios particulares de certos políticos, a tática de perpetuação do poder continua. Cuidado com a onda, hein!

 

AVISO

Receba gratuitamente notícias da comarca de Biguaçu em seu whatsapp. Clique no link abaixo, adicione nosso número (4898484-7539) e dê um OK.
bit.ly/WhatsJBFoco

Publicidade