Publicidade

O processo de improbidade administrativa número 0900121-85.2013.8.24.0007 contra a vereadora Salete Cardoso (PR) ainda não foi julgado desde 2013.

A ação civil pública contra ela deve-se a um contrato sem licitação no período em que ele foi secretária de organização e lazer da prefeitura municipal de Biguaçu e objetiva a devolução de dinheiro público e perda de direitos políticos.

No entanto, o santo da vereadora deve ser forte porque faz 5 anos que o processo rola sem sequer ter tido audiência.

 

AVISO

Receba gratuitamente notícias da comarca de Biguaçu em seu whatsapp. Clique no link abaixo, adicione nosso número (4898484-7539) e dê um OK.
bit.ly/WhatsJBFoco

Publicidade