Florianópolis comemorou, no dia 23 de março, mais um ano de existência.

Cidade rica em belezas naturais, possui lindas praias, dunas, lagoas e cachoeiras.

Agraciada com belezas indescritíveis como a Lagoa da Conceição e a Lagoa do Peri.

Na praia da Joaquina, conta com ondas conhecidas em todo o mundo, inclusive através dos campeonatos de surf.

 

Na sua parte continental, a cidade conta com uma vila gastronômica no charmoso bairro de Coqueiros, que à beira do mar, encanta os casais enamorados.

No bairro do Estreito, a cidade tem o campo do Figueirense Futebol Clube.

No bairro do Carianos, está o campo do Avaí Futebol Clube, a Ressacada.

A natural rivalidade fica apenas dentro de campo, pois todos são “manezinhos” com muito orgulho.

 

No Ribeirão da Ilha, Santo Antônio de Lisboa, Rio Vermelho, bem como em outros recantos da Ilha, a cidade conta com belos e antigos casarios, igrejas e demais edificações com elevado valor histórico e arquitetônico.

Conta com lindas fortalezas, que em sua maioria, sequer, são conhecidas pelos moradores, que se surpreenderiam com as suas belezas e histórias.

A cidade atualmente conta com grandes e importantes universidades e faculdades, difundindo o conhecimento, como UFSC e UDESC.

No meio cultural, esportivo, político e literário, a cidade conta, contou com importantes expressões, a exemplo de Gustavo Kuerten, Antonieta de Barros, Franklin Joaquim Cascaes, dentre outros (as).

 

Quem visita Florianópolis tem muito com o que se encantar, desde a figueira da Praça XV, Museu Cruz e Souza, praia de Jurerê Internacional, trilha da Lagoinha do Leste e de Naufragados, os engenhos de farinha (já tão raros na ilha), assim como com as casas de “pau a pique”, antigamente em grande número no Rio Vermelho e outras localidades.

Quem visita Florianópolis, conhece uma linguagem própria, ainda usada pelos “manezinhos”, expressões tais como táish tôlo, tásh ?, segue reto toda vida, bucíca, ó-lhó-lhó, se tu dix, etc.

Ser chamando, considerado um “manezinho”, passou a ser sinônimo de orgulho para todos os nativos, visitantes, bem como aqueles que passaram a aqui residir.

A cidade conta com um belo carnaval, com inúmeros blocos e grandes escolas de samba, que trazem turistas de todo o país. Vale lembrar os carros de mutação que marcaram na juventude o carnaval de muita gente, através de importantes agremiações como Tenentes do Diabo (1905) e Granadeiros da Ilha (1948), atualmente lutando para voltarem à elite do carnaval, garantindo a tradição de um belo carnaval.

 

Por outro lado, a cidade que é voltada para o mar, ainda carece de investimentos no transporte e turismo marítimo.

As duas pontes que ligam o continente à ilha, passam por um desgaste, carecendo de urgente e permanente manutenção, para que garantam o acesso rápido a ilha, bem como a segurança dos munícipes e turistas que por ela transitam. Uma terceira ponte, Hercílio Luz, uma homenagem ao governador, seu idealizador, com expressivo valor histórico e turístico, fator do progresso inicial da cidade, está inativa, em breve será reativada a serviço da sociedade.

O grande número de turistas na temporada de verão, como dos próprios moradores, aliado a um sistema de transporte público deficitário, acarreta diariamente filas intermináveis no acesso às pontes e aos bairros. Na verdade, não apenas no verão.

A cidade atualmente conta com um número muito grande de moradores de rua, que apesar do esforço da municipalidade, vem crescendo diariamente, assim como de dependentes químicos e pedintes, o que precisa continuar a ser enfrentado.

 

Como muitas cidades pelo Brasil, Florianópolis teve um crescimento desordenado, com ocupação de encostas e áreas de preservação.

Agora, cabe à atual e às novas administrações, intensificarem o trabalho social, projetos de moradia, regularização de áreas consolidadas, investimento forte em saneamento básico, segurança, educação e saúde.

A cidade possui condições de se desenvolver ainda mais, pois conta com pessoas de boa índole, trabalhadores, pessoas que querem o desenvolvimento ordenado da ilha.

Florianópolis, parabéns !

 

(*) FERNANDO HENRIQUE DA SILVEIRA

Advogado / Funcionário Público Estadual / Professor / Membro da Academia de Letras de Biguaçu / Doutor em Ciências Jurídicas e Sociais

 

https://chat.whatsapp.com/DzUCpmYip17KFtkEeyNpaD

Clique no link acima e receba gratuitamente notícias do JBFOCO regional. Nesse grupo não existe interação. Somente recebimento de matérias jornalísticas de Biguaçu, Antônio carlos, Governador Celso Ramos e região.