Publicidade

Como uma garota

Eis que a vestir Rosa Luxemburgo,

Sem precisar de vossos salvadores,

De todo o mal tentardes o expurgo,

Para livrar-vos de tamanhas dores.

 

Guardiãs de versos como Cecilia,

Brilhante nos livros como Clarice,

Cedo ou tarde, eternas na história,

Embora o varão mundo vos coibisse.

 

Sendo vós alvas como Joana d’Arc,

Ou retintas como Maya Angelou,

Livres no mundo cor-de-Rosa Parks,

De olhos vigilantes como os de Capitu.

 

Lindas e ofuscantes como sois e sóis,

Pois que persistais, em tamanha afronta:

Eles acham que a vida é feita de heróis,

Mas a eles falta brilhar como garota.

 

Amanda Arruda. (Foto Divulgação)

 

(*) Amanda Arruda, 18, faz parte da nova geração de escritores de Biguaçu. Quem quiser adquirir o romance “A Heroína que virou Lenda”, entre em contato pelo fone (48) 9-9645-7045 ou pelo e-mail amandaarruda2001@yahoo.com.br.

 

https://chat.whatsapp.com/KGHnAVR0IDg76hT4dBMrAX

Clique no link acima e receba gratuitamente notícias do JBFOCO regional. Nesse grupo não existe interação. Somente recebimento de matérias jornalísticas de Biguaçu, Antônio carlos, Governador Celso Ramos e região.

Publicidade