Publicidade

Professora Mônica Santana, mineira de Belo Horizonte conhecida como “Prof. Mônica”, instrutora de yoga que mora na Grande Florianópolis há 17 anos, informa que nos das 9 e 10 de novembro, haverá um curso de “Desenvolvimento da Consciência e Xamanismo” através do yoga, no sítio Yrapé (Caminho das Águas) em Santo Amaro da Imperatriz.

Informações pelo whatsApp: (48) 9 9117-0008 -Profa Mônica.

Aqui o panfleto explicativo:

“OBJETIVO: Desenvolvimento da CONSCIÊNCIA através de uma filosofia sagrada, a mais antiga e poderosa metodologia para a evolução humana.

Consiste em técnicas que desenvolvem movimento, ritmo, linguagem gestual e dança, produzindo uma imediata amplificação do prazer de viver.

 

Programação:

 

DIA 9 de novembro de 2019, SÁBADO, COM PERNOITE NO SÍTIO:

Saída Floripa:7:30

Chegada no Sítio: 8:30

 

CAFÉ DA MANHÃ ORGÂNICO

 

9h- Recepção e Apresentações

 

10h -TRILHA do Autoconhecimento-Trilha da Visão : FÁCIL, aproximadamente 4 km no total.

 

13h -ALMOÇO ORGÂNICO sem carnes,com Círculo de Energia(Sat Chákra)

 

16h-Yôga antigo(Swásthya Yôga) com a profa Mônica Sant’Ana:

ensinando essa nobre filosofia há 33 anos, coordenadora do projeto Yôga &Ecocultura no Parque do Córrego Grande- Floripa há 13 anos.

 

17h -TENDA DO SUOR com Salvelina da Rosa:

 

Motivadora Social e adepta da GFB: Pesquisadora e praticante do Xamanismo Universal, (Dança do Sol; Dança da Águia; Apoiadora de “Busca de Visão etc), e longo caminho entre comunidades Indígenas; Corredora de Tenda de Suor, e ervateira, Rosa como é conhecida, é, há 17 anos, Guardã do Sitio Yrapé, onde já plantou mais de 500 árvores…

 

e Thiago Carlos de Melo: homem fogo, do clã Qorikuntur (Condor dourado) do caminho vermelho, xamanismo, no Perú, buscador de visão nível 2, músico, compositor.

 

21h ou 22h- JANTAR DETOX e Recolhimento

 

DIA 10 de novembro de 2019, DOMINGO

 

9h- CAFÉ ORGANICO com Círculo de Energia

10h-DANÇA e RITMOS DE SHIVA com a Profa Mônica  Sant’Ana e Paulo Perdomo Rodrigues: percussionista, artesão, escultor, oficineiro e espiritualista.

Vivenciou desde cedo tocar e confecionar tambores, manifestando a força da sua ancestralidade, que foi reforçada pelas vivências em diversos grupos culturais que fez parte.

OS ALIMENTOS SERÃO PREPARADOS POR UM EQUIPE ESPECIALIZADA EM ALIMENTAÇÃO LACTO-OVO-VEGETARIANA, PODENDO TER A OPÇÃO VEGANA, sob a coordenação de Juan Carlos Rosero,Mantra Vrata Das, iniciado do Brahma gaudiya sampradaya da Índia desde 2003, estudioso de meditação, yôga, veganismo e vegetarianismo, com passagens em vários países da América do Sul e Índia. Oferece cursos de cozinha vegana, thetahealing e reiki xamãnico.

 

VALORES:

R$300,00 POR PESSOA

INCLUINDO: PERNOITE, ALIMENTAÇÃO E TODAS AS VIVÊNCIAS.

O TRANSPORTE NÃO ESTA INCLUIDO( Vamos organizar caronas ou Motoristas de Uber com preço especial)

 

FORMAS DE PAGAMENTO:

▪︎TRANSFERÊNCIA  BANCÁRIA:

 

CAIXA ECONÔMICA

AGÊNCIA :1011

CONTA POUPANÇA:00039090-3

Mônica  Sant A A Yamamoto

NUBANK:

AGENCIA- 0001

CONTA CORRENTE- 60607017-1

MONICA

DESCONTOS A VISTA=

1° LOTE-ATÉ O DIA 26/10/2019= R$195,00

2° LOTE-ATÉ O DIA 31/10/2019= R$215,00

3° LOTE-ATÉ O DIA   6/11/2019= R$250,00

 

OU PARCELADO= R$150,00 AGORA E R$150,00 NO DIA

 

MAIORES INFORMAÇÕES WHATS:(48) 9 9117-0008 -Profa Mônica

 

SOMENTE 20 VAGAS

 

 

SITIO YRAPÉ-

Entre o mar e a montanha, entre águas e verdes, situa-se, o Sitio Yrapé…

“Santuário Verde de Mata Atlântica,” ao pé da Serra do Tabuleiro;

Próximo à Estação Termal de Caldas da Imperatriz, a 2a. melhor água termal do mundo, a 35km de Florianópolis. Local de abundante opções de turismo de aventura, concebido por místicos e terapeutas, como PORTAL DE CURA…

YRAPÉ, é um tributo aos ancestrais indígenas que por séculos aqui habitaram; E uma honrosa homenagem aos cidadãos indígenas que na trajetória de passado e presente, o frequentam…

O NOME YRAPÉ, (Caminho das Águas) FOI DADO POR ELES MESMOS – inspirado numa roda de conversa, quando de um encontro de lideranças indígenas de Santa Catarina, das etnias: Kaigang; Xocleng e Guarani, no então, provisoriamente, denominado Sítio  das Rosas, a pedido da Guardiã do Espaço…

Após várias sugestões das etnias presentes, veio o nome Yrapé (do Tupi Guarani)…

Falar do Yrapé, é falar da magia impregnada de amor e respeito, ao passado, e à natureza, dos elementos e dos muitos seres que o habitam, e dos que passaram por aqui…

É dizer que os adjetivos de uma aparente simplicidade, elevam-se, diante da vibração sutil e da PRESENÇA dos elementos que abundantemente o compõe e coexistem…,

É sentir o SAGRADO MISTÉRIO , num elo sutil que se firma na “realidade” e no propósito de cada um…

“Ubicar-se” nos espaços do Yrapé é render-se conscientemente à “Presença” que Nele habita –

ESPELHO da Natureza Divina – ativa, silenciosa, contemplativa, curadora que SOMOS cada um…

NAMASTÊ!

 

VÍDEO 

 

 

https://chat.whatsapp.com/KqM4tyur0hILhDrHAnFFBB

 

Clique no link acima e receba gratuitamente notícias do JBFOCO regional. Nesse grupo não existe interação. Somente recebimento de matérias jornalísticas de Biguaçu, Antônio Carlos, Governador Celso Ramos e região.

Publicidade