Publicidade

O comentarista político, Cláudio Prisco Paraíso, não usou esses termos, mas foi EXATAMENTE o que aconteceu entre os ex-secretários da Casa Civil do governo do Estado, Douglas Borba e da saúde, Helton Zeferino.

Acusado pelo GAECO como sendo o “Chefe do Esquema de Corrupção” envolvendo o superfaturamento de 200 respiradores, Douglas Borba, em seu depoimento na polícia, divulgado nesta semana, quis aliviar a sua barra dizendo que, em 19 de março, havia acontecido exatamente igual ao problema que estourou em outra compra de respiradores, duas semanas depois.

Douglas disse que o ex-secretário da saúde, Helton Zeferino, comprou 30 respiradores em 19 de março deste ano pagando ADIANTADO.

Zeferino devolveu o ataque afirmando que Douglas articulou a compra dos 200 respiradores em abril de 2020,  o que acabou virando um escândalo.

Mais detalhes, assista ao vídeo do comentarista Cláudio Prisco Paraíso:

 

 

 

https://chat.whatsapp.com/KGHnAVR0IDg76hT4dBMrAX

Clique no link acima e receba gratuitamente notícias do JBFOCO regional. Nesse grupo não existe interação. Somente recebimento de matérias jornalísticas de Biguaçu, Antônio Carlos, Governador Celso Ramos e região.

Publicidade