Publicidade

Informa a assessoria de imprensa: “Nas sessões ordinárias realizadas nessas segunda e terça-feiras, dias 6 e 7 de julho, vereadores da Câmara Municipal de Biguaçu aprovaram o Requerimento nº 053/2020, do vereador João Luiz Luz, que solicita informações sobre as ações tomadas pelo prefeitura quanto à destinação de auxílio às pessoas que sofreram danos com a passagem do ciclone “bomba”, que passou recentemente pelo sul do país no dia 30 de junho.

Nas sessões, ainda foram apresentadas diversas indicações que têm ligação com o fenômeno. Entre elas, Indicação nº 660/2020, do vereador Ednei Müller Coelho, que solicita apoio do Poder Executivo ao asilo do “Seu Doca”, devido aos estragos ocasionados pela tempestade; indicação n° 697/2020, da vereadora Salete Orlandina Cardoso, que solicita a criação de um plano de contingência de intempéries no município.

O interior do município, bastante afetado pelo ciclone, teve pedidos registrados ao Executivo Municipal.  Indicação nº 696/2020, do vereador Elson João da Silva, que solicita auxílio de insumos agrícolas aos produtores rurais do município atingidos pelo ciclone. E ainda Indicação nº 699/2020, do vereador Manoel Airton Pereira, solicitando a criação do fundo municipal de proteção e assistência aos agricultores.

OUTRAS INDICAÇÕES

Cuidados a fim de evitar a propagação do Coronavírus foram destaque, a exemplo da Indicação n° 691/2020, do vereador João Luiz Luz, pela obrigatoriedade de aferição de temperatura corporal nas empresas; e a Indicação nº 669/2020, do vereador Elson João da Silva, solicitando a transferência do centro de atendimento a pacientes com sintomas de Covid-19 para as instalações do Hospital Regional de Biguaçu. Ainda foram deliberadas diversas indicações de interesse público. Acompanhe as sessões, ao vivo, pelo canal youtube.com/cmbigua.”

https://chat.whatsapp.com/IG6sLw6aHO5CjRXeBtSCkM

Clique no link acima e receba gratuitamente notícias do JBFOCO regional. Nesse grupo não existe interação. Somente recebimento de matérias jornalísticas de Biguaçu, Antônio Carlos, Governador Celso Ramos e região.

Publicidade