Em Biguaçu existe os mercenários da política. É aquele tipo de gente que geralmente não estudou e que não consegue se dar bem na iniciativa privada.

Por causa disso, ficam mamando nas tetas dos empregos e esqueminhas públicos.

Diante disso, ficam puxando o saco de quem está no poder e sempre se abraçam com os que estão no auge político da cidade.

É o tipo de gente que vai para onde o vento soprar.

Na cidade tem um velho conhecido que não engana mais ninguém e já virou até chacota nos bastidores da política local simulando apostas para onde o dito cujo e sua família vão pender.

Na época do governo Tuta, grudou-se numa boquinha, entrou o Castelo puxou o saco e conseguiu um cargo perpetuado no governo Ramon.

Só foi surgir a onda PSL com o todo poderoso Douglas Borba que o oportunista já mandou gente da família pra lá. Agora com a queda de Douglas já ensaia um puxa-saquismo para o lado do vice-prefeito Vilson Alves porque não tem espaço na oposição.

E o pior que o dito cujo não tem voto, tanto é que ensaia candidatura como se fosse um diferencial eleitoral, mas tem medo de concorrer.

Não passa de um estelionatário político que só vive enganando quem está no poder para poder se grudar nas tetas dos empregos comissionados.

Será que o cidadão vai enganar esse ano de novo?

 

https://chat.whatsapp.com/IG6sLw6aHO5CjRXeBtSCkM

Clique no link acima e receba gratuitamente notícias do JBFOCO regional. Nesse grupo não existe interação. Somente recebimento de matérias jornalísticas de Biguaçu, Antônio Carlos, Governador Celso Ramos e região.