Publicidade

O deputado federal Hélio Costa classificou como “pouca vergonha” o aumento da taxa de pedágio no Estado anunciado pela Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT). De acordo com o parlamentar, o povo não pode pagar o preço pela má gestão da obra do Contorno Viário. “Isso é uma pouca vergonha. Mudaram o trajeto, deixaram a coisa se enrolar e agora é o povo quem paga a conta? Um bilhão a mais para o anel viário, um verdadeiro absurdo”, disse.

Hélio Costa reafirmou que o Contorno Viário só vai ficar pronto em 2030. “Eu não tenho dúvida que vai ser em 2030. Era pra ser em 2012, depois este ano. Vão enrolar, enrolar e quem perde é a população com filas e tráfego complicado. Pode esperar mais uma década”.

O pedágio no Estado terá um aumento de 44,44% a partir do dia 8 de agosto. A tarifa em São José dos Pinhais-PR, Araquari-SC, Garuva-SC, Porto Belo-SC e Palhoça-SC subirá de R$ 2,70 para R$ 3,90.

A ANTT disse que o reajuste servirá para viabilizar a obra do Contorno Viário e da terceira pista da BR-101 entre Palhoça e Biguaçu. O anel de 50 km era pra ser entregue em 2012, entretanto, o novo prazo estipula agosto de 2023.

A obra tem agora um custo total de R$ 3,7 bilhões, um bi a mais por conta dos 3 túneis que serão construídos em Palhoça devido à mudança do trajeto.

 

Hélio Costa. (Foto Douglas Gomes)

 

https://chat.whatsapp.com/IG6sLw6aHO5CjRXeBtSCkM

Clique no link acima e receba gratuitamente notícias do JBFOCO regional. Nesse grupo não existe interação. Somente recebimento de matérias jornalísticas de Biguaçu, Antônio Carlos, Governador Celso Ramos e região.

Publicidade