Publicidade

Em reunião realizada na tarde de quarta-feira (10/03/2021) que contou com a participação dos prefeitos de Palhoça (Eduardo Freccia), Florianópolis (Gean Loureiro), São José (Orvino Coelho de Ávila),  Biguaçu (Salmir da Silva), do secretário de Estado da Saúde (André Motta Ribeiro) e do secretário da Casa Civil (Eron Giordani) foram apresentadas, pelos prefeitos, as dificuldades que os municípios estão enfrentando no que diz respeito ao estrangulamento das unidades de saúde e UPAs devido ao aumento dos casos da Covid-19.

Foi informada também pelos prefeitos a necessidade urgente de um apoio maior e mais eficaz do Governo do Estado.  Os prefeitos alertaram que, justamente pelo fato do Estado conhecer de perto a realidade dos municípios que compõe a região próxima à capital catarinense, esperam que a administração estadual demonstre mais atenção, com a reabertura dos hospitais que se encontram fechados e a ampliação no número de leitos disponíveis para o tratamento da Covid-19.

Conforme informou o secretário de Estado da Saúde, os hospitais privados localizados na capital que se encontravam fechados devido à superlotação serão brevemente reabertos com o remanejamento de pacientes menos grave.

Foi definida, ainda, a criação de um Centro Integrado de Operações composto pelos próprios prefeitos, secretários de Saúde e representantes estaduais, com o objetivo principal de avaliar as demandas e criar ações específicas que minimizem os impactos da pandemia na rede de saúde. A primeira reunião foi agendada já para quinta-feira (11/03/2021). (Redação: Assessoria de Imprensa).

 

Além do prefeito de Palhoça, Eduardo Freccia, participaram do encontro Gean Loureiro (Florianópolis), Orvino Coelho de Ávila (São José) e Salmir da Silva (Biguaçu). (Foto Divulgação)

 

 

https://chat.whatsapp.com/HX3oIbM7Efx3F342UtfYwX

Clique no link acima e receba gratuitamente notícias do JBFOCO regional. Nesse grupo não existe interação. Somente recebimento de matérias jornalísticas de Biguaçu, Antônio Carlos, Governador Celso Ramos e região.

Publicidade