Publicidade

Anteriormente, a Polícia Federal, Ministério Público e Tribunal de Contas do Estado já haviam isentado o governador afastado de SC no caso da Veigamed

A Procuradoria Geral da República (PGR) arquivou nesta terça-feira (13), o processo de investigação contra o governador afastado de Santa Catarina, Carlos Moisés da Silva (PSL). As informações são do jornalista da rádio Condá FM e portal SC em Pauta, Marcelo Lula. Conforme Lula, a decisão praticamente sepulta o processo de impeachment, já que a decisão desta terça-feira se soma as decisões no mesmo sentido da Polícia Federal, Ministério Público e Tribunal de Contas do Estado.

Conforme Marcelo Lula, foi a PGR a autora do pedido de busca e apreensão na Casa D’Agronômica no ano passado, quando a Polícia Federal passou a manhã no local em busca de documentos, celulares e computadores, que agora, de acordo com a decisão, serão devolvidos.

Nos próximos dias, Carlos Moisés enfrentará o Tribunal Misto, formado por juristas e deputados que colocarão ou não o governador afastado a frente do Estado de Santa Catarina.

Publicidade