Por: Ozias Alves Jr. | 20/11/2017

A Secretaria de Saúde e Assistência Social informa que o Programa Bolsa Família, gerenciado pelo Ministério do Desenvolvimento Social e Combate a Fome,  atende 97 famílias de Antônio Carlos atualmente – neste mês de novembro foram incluídas dez.  O programa é destinado a famílias que no momento estejam com baixa renda e inscritas no CadUnico (Cadastro Único para programas sociais do Governo Federal).

Para ter direito ao benefício, além de comprovar a baixa renda, a família deve cumprir uma série de requisitos, tais como frequência escolar, controle de peso e vacinação dos filhos, segundo a coordenadora de assistência social Cleuzete da Costa. Essas condições, quando cumpridas pelas famílias e equipe responsável, contribuem para o aumento do valor de repasse do Governo Federal ao município e, dessa forma, mais e melhores atividades relacionadas ao programa tornam-se possíveis.

No mês de junho, o município utilizou o recurso mencionado para a contratação de um estagiário entrevistador exclusivo para o CadUnico/Bolsa Família, com carga horária de 20h semanais. Nos últimos dois meses, o IGD-M (Índice de Gestão Descentralizada para Municípios), que mede os acompanhamentos de atualização cadastral, das condicionalidades de educação e de saúde, aumentou, ficando acima da média nacional.

 

ÍNDICES (DE 0 A 1)

 

Acompanhamento da Atualização Cadastral

Média Nacional: 0,70

Média Município: 0,61

 

Acompanhamento das Condicionalidades de Educação

Média Nacional: 0,93

Média Municipal: 0,94

 

Acompanhamento das Condicionalidades de Saúde

Média Nacional: 0,78

Média Municipal: 0,84

 

IGD-M

Média Nacional: 0,73

Média Municipal: 0,75

 

(Texto: Daniel Silva)