Por: Ozias Alves Jr. | 01/12/2018

De onde vem o nome “Antônio Carlos”, do município vizinho a Biguaçu? O nome surgiu em 1930 e homenageia um certo “Antônio Carlos Ribeiro de Andrada”, de Minas Gerais.

Segundo o historiador Rogério Kremer, o município vem ensinando nas escolas o nome errado. As crianças daquele município são ensinadas que o nome do homenageado é “Antônio Carlos Ribeiro de Andrada”. Está errado. O nome correto é Antônio Carlos Ribeiro de Andrada Filho (1870-1946).

Antônio Carlos de Andrada (1835-1893) é o pai de Antônio Carlos Ribeiro de Andrada Filho (1870-1946), este último o governador de Minas Gerais entre 1926 a 1930 quando participou do golpe de Estado conhecido como “Revolução de 30”, que acabou levando Getúlio Vargas (1882-1954) à presidência do Brasil.

O nome “Antônio Carlos” foi adotado em 1930 e homenageia o Antônio Carlos Filho, o governador e não seu pai, o Antônio Carlos de Andrada.

De acordo com o historiador Kremer, basta apenas acrescentar o final “Filho” para indicar o homenageado certo.

Vale lembrar que Antônio Carlos Ribeiro de Andrada Filho era bisneto do famoso José Bonifácio de Andrada e Silva (1763-1838), o Patriarca da Independência do Brasil.

Antônio Carlos Ribeiro de Andrada FILHO (1870-1946). (Foto Reprodução)

LIVRO

Rogério Kremer, o historiador que pesquisa a história de Antônio Carlos desde 1963 (isso mesmo, há 55 anos ininterruptos, está lançando seu novo livro: “Antônio Carlos: Armazém de Memórias (1830-2018)”.

Kremer conta que o título da obra foi inspirada por uma peculiaridade de cidades do interior: a presença dos armazéns, onde o povo, além de abastecer-se de produtos do dia-a-dia, também inteirava-se das “notícias”.

O lançamento da obra, que tem um prefácio do prefeito de Antônio Carlos, Geraldo Pauli, ainda não está marcada. A data está sendo marcada.

Trata-se de mais uma obra de história local de Kremer, autor de diversos estudos sobre a historiografia regional.

 

Rogério Kremer mostra seu novo livro “Antonio Carlos: Armazém de Memórias” (1830/2018). (Foto JBFoco)

 

AVISO

Receba gratuitamente notícias da comarca de Biguaçu em seu whatsapp. Clique no link abaixo, adicione nosso número (4898484-7539) e dê um OK.
bit.ly/WhatsJBFoco