Por: Ozias Alves Jr. | 12/07/2018

A incompetência é tão grande que precisou um governador do PMDB entrar na gestão do estado para fazer com que a Maternidade virasse realidade na cidade. Ramon, nos quase 4 anos do governo Colombo, do seu partido, não conseguiu implementar a maternidade no hospital regional de Biguaçu nesse período.

E olha que ele ainda contava com o deputado Gelson Merísio, que foi presidente da Assembleia Legislativa, também aliado e do mesmo partido e que será candidato ao governo do estado pelo PSD, partido do Ramon. Teve que entrar um secretário do partido de oposição de Ramon (o PMDB) para atender essa demanda muito solicitada pelos vereadores da oposição de Biguaçu. O ex-vereador André Clementino, por exemplo, agradece o governo do PMDB por atender essa demanda de se fazer de uma vez por todas a maternidade na cidade.

“No governo do Colombo, Biguaçu lutou muito para trazer a maternidade. Inclusive o prefeito daqui, que é do partido do ex-governador, tentou e tentou e nada conseguiu. Nós deixamos as diferenças partidárias e também lutamos por isso. Mas só agora com o governo do PMDB, que esse sonho virou realidade. A cidade está de parabéns”, salientou André em conversa com esse colunista.

 

Raimundo Colombo: ex-governador do PSD não trouxe a maternidade para Biguaçu. (Foto Arquivo JBFoco)

 

Pinho Moreira: assumiu como governador e maternidade de Biguaçu virou realidade. (Foto Arquivo JBFoco)

Décio Baixo Alves 

E-mail: decio@jbfoco.com.br

AVISO
Receba gratuitamente notícias da comarca de Biguaçu em seu whatsapp. Clique no link abaixo, adicione nosso número (4898484-7539) e dê um OK.
bit.ly/WhatsJBFoco