Por: Amanda Arruda | 03/04/2018

 

Somar-me-ei ao gozo da vida,

Perpetuamente flor na eterna primavera,

E dir-me-ei infinda.

À frieza do mundo, sucumbirei jamais,

Farei d’existência o enterro das quimeras,

E construirei jardins em auroras boreais.

Repertir-se-ão todas as alegrias,

E com minhas mãos, realizarei mandalas,

Assim serei eternamente viva.

Enfim multiplicar-se-ão felicidades,

Que serão sem fim para a todos dá-las,

Assim que o querubim reinagurar minhas idades.

 

(*) Amanda Arruda, 17, faz parte da nova geração de escritores de Biguaçu. Quem quiser adquirir o romance “A Heroína que virou Lenda”, entre em contato pelo fone (48) 9-9645-7045 ou pelo e-mail amandaarruda2001@yahoo.com.br.

 

AVISO

Receba gratuitamente notícias da comarca de Biguaçu em seu whatsapp. Clique no link abaixo, adicione nosso número (4898484-7539) e dê um OK.

bit.ly/WhatsJBFoco