Por: Ozias Alves Jr. | 09/02/2019

Na terça-feira desta semana (05/02), houve uma reunião do prefeito Ramon Wollinger (PSD) com membros do Observatório Social da Comarca de Biguaçu (OSCB).

Trata-se de uma instituição não governamental que visa fiscalizar as contas públicas.

Na ocasião, os membros os representantes dos relatórios social perguntaram a respeito do futuro da futura Vila de segurança de Biguaçu, a ser instalado entre a rua Quintino Bocaiúva (acesso para o bairro Fundos) e a Jardim São Nicolau, no bairro Universitário.

Um dos membros do tal Observatório Social, Fabiano Livramento Luiz, observou: “Temos uma grande preocupação quanto ao número de vagas que serão criadas neste presídio e a que população prisional serão destinadas estas vagas, por isso gostaríamos de informações mais claras”.

O prefeito Ramon respondeu assim, conforme noticiou o site oficial da prefeitura de Biguaçu: “Vamos exigir do Governo do Estado que cumpram o que sempre nos falaram e não vamos aceitar detentos de outras cidades. Reforço que só vamos autorizar o início da construção desde que as obras do 24° BPM, da Delegacia, do IGP e Detran iniciem simultaneamente”.

QUESTIONAMENTO

Qual é a tua, Ramon? Quer tapear a quem? Você é um “ingênuo” ou está tirando sarro da inteligência dos biguaçuenses? Somos um bando de otários?

Vejamos as incoerências do raciocínio de Ramon tentando brincar com a inteligência dos membros do Observatório Social como também da cidade como um todo:

  • A cadeia pública de Biguaçu, que funciona atrás da delegacia da cidade, na rua Hermógenes Prazeres, quase ao lado do próprio gabinete do prefeito, tem hoje 88 presos num espaço para 44. Sabe-se que o futuro presídio de Biguaçu vai ter 400 vagas. Não é preciso ser “expert” em matemática para saber que a futura construção vai para abrigar mais de quatro vezes o total de presos hoje existente na cidade. A questão é muito simples: que garantia temos que o governo do Estado não vai colocar ali presos de outras cidades?
  • Aliás, alguém já parou para pensar que entre os 88 presos hoje em Biguaçu, a maioria não é de Biguaçu, mas sim de outras cidades? Sim, boa parte dos presos hoje de Biguaçu simplesmente é bandido oriundo de outras cidades que foi enviado para cá.
  • Quando estiver pronto o presídio para 400 vagas bem no meio do perímetro urbano de Biguaçu, se o governo do estado decidir enviar presos de outras cidades, quem vai impedir? Você, Ramon? Você vai estar na frente do presídio impedindo as viaturas do DEAP de despejarem no presídio de Biguaçu presos de fora? A população de Biguaçu vai ficar na frente para impedir sob risco de levar cassetetes da polícia? Está brincando com a nossa inteligência, cidadão???
  • Biguaçu tem por volta de 70 mil habitantes. A cidade sozinha vai “produzir” 400 presos? Biguaçu é um “celeiro” tão grande de bandidos que, sozinho, produz anualmente 400 “candidatos” à prisão?
  • É este o seu argumento? Que o governo do Estado vai comprometer-se a não colocar preso que não é de Biguaçu no presídio de 400 vagas a ser construído aqui no município? Que santa ingenuidade é essa?
  • Se você insiste que só aceita presídio para presos “apenas de Biguaçu”, se o governo do Estado comprometer-se a não colocar presos de outras cidades aqui no município, então faça o governador assinar, de punho próprio, um documento dizendo abertamente que vai cumprir essa promessa e que, nos casos em que realmente o DEAP mandar presos de outras cidades para cá, a prefeitura de Biguaçu ganha o direito automático de interditar o presídio na hora, sem qualquer cerimônia. Além disso, nesse documento, o governador tem de dizer explicitamente que o prefeito de Biguaçu, quando interditar o presídio, não será sujeito a sanções penais por força do acordo firmado.
  • É claro que o governador não vai assinar um documentos desses e, na possibilidade de ser feito tal tipo de promessa por escrito, nem terá validade judicial porque seria um absurdo. Pensa bem: é ABSURDO, RIDÍCULO e É UMA ENGANAÇÃO SUA de que o governo do Estado não vai colocar presos de outras cidades no futuro presídio de 400 vagas em Biguaçu!!! Pô, Ramon! Que enganar a quem? Todo mundo é otário, pô?!
  • Ramon volta a repetir: “não vamos aceitar detentos de outras cidades”. É uma baita piada desse cidadão que sequer cumpriu as promessas de campanha de 2016, entre as quais a famosa tarifa de R$ 1,00 para ônibus interbairros de Biguaçu.
  • Bom! E aí, Douglas Borba, secretário da Casa Civil do governador Carlos Moisés da Silva. Biguaçu espera que você aja pelos interesses da coletividade. O município aceita cadeia para no máximo 100 presos para substituir a já existente no centro da cidade. Acima disso, não, em hipótese alguma. E se você não tiver força para impedir esse absurdo que o prefeito Ramon fez às escondidas, sem consultar a população, que o povo de Biguaçu lhe dê o devido troco na eleição de 2020. Entendido?!

 

Notícia publicada no próprio site oficial da prefeitura de Biguaçu. (Foto Reprodução)

 

https://chat.whatsapp.com/FPjwOITgOdo9LQnZAJprNs

Clique no link desse grupo e receba Gratuitamente notícias da comarca de Biguaçu e ainda concorre a uma bicicleta que será sorteada 5-3-2019. Nesse grupo não haverá interação, somente recebimento de reportagens do Jornal Biguaçu em Foco

 

É muito FÁCIL receber notícias gratuitamente e concorrer a uma bicicleta!

JBFoco

#jbfocowhattsapp

  1. Envie uma mensagem no whattsapp para o número (48) 9-8484-7539 com a palavra OK! https://chat.whatsapp.com/FPjwOITgOdo9LQnZAJprNs

  2. Além de receber notícias GRATUITAMENTE, você concorrerá a uma bicicleta.

Prêmio a ser sorteado: Bicicleta Aro 26 Beach 18V

Sorteio: Dia 05.03.2019 ( 05 de março de 2019)

Quem já recebe as reportagens pelo whattsapp está concorrendo automaticamente.